Embrapa Gado de Corte
Davi Jose Bungenstab

Davi José Bungenstab

Chefia Adjunta de Pesquisa e Desenvolvimento

Enviar e-Mail de Contato

(67) 3368-2052

Cartão de Visita

http://lattes.cnpq.br/6426894185197091

Embrapa Gado de Corte

Área de Conhecimento

Ciências Agrárias » Zootecnia » Produção Animal

Palavras-chave

Administração, Agricultura, Agricultura de Precisão, Alimentação Animal, Assistencia Tecnica, Avaliação, Beef catlle, Bovinocultura de corte, Central Brazil, Centro oeste, Cerrado, Confinamento, Confnamento, Consorciação, Couro, Desenvolvimento Regional, Desenvolvimento local, Ecological footprint, Economia Internacional, Empreendedorismo, Environmental impacts, Fertilização, Forragem, Gramineas, Grao Úmido, Impactos ambientais, Informatica, Integração, Lavoura-pecuária, Lavoura-pecuária-floresta, Leguminosas, Meio Ambiente, Milho, Milho Safrinha, Nitrogenio, Novilho precoce, Nutrição, Pastagens, Pecuária de Corte, Plantio Direto, Producao Animal, Produção de Carne, Proteína, Qualidade, Saude Publica, Silagem, Sustentabilidade, Tecnologias, bovino, bovinocultura, concentrado, educação, ensino, frete e maquinas

Projetos

MAXISEL

Elaboração de estratégias e índices de seleção aplicados em gado de corte com abordagem econômica e ambiental

2015-2018

Com Andrea Gondo, Antonio do Nascimento Ferreira Rosa, Gilberto Romeiro de Oliveira Menezes, Guilherme Cunha Malafaia, Luiz Otavio Campos da Silva e Roberto Augusto de Almeida Torres Junior.

O projeto tem como foco a coleta e a geração/ampliação de bases de dados de raças zebuínas, taurinas, adaptadas e compostas visando à disponibilização de informações técnicas para identificar indivíduos geneticamente superiores para a produção sustentável de carne bovina, em sintonia com os sistemas de produção característicos de diferentes ecossistemas do País. Estratégias e ferramentas de identificação de genótipos superiores, estabelecidos junto aos selecionadores, devem estar inseridas em programas de melhoramento genético de bovinos de corte, com clara definição de objetivos e correta coleta de dados produzindo estimativas de valores genéticos de qualidade e possibilitando as práticas de seleção e acasalamento. Sendo assim, este projeto fará coletas de dados padronizadas e sistêmicas realizadas em duas vertentes. A primeira incluirá registros inerentes aos animais relativos aos pedigrees e às características de desempenho produtivo e reprodutivo, assim como a coleta de material biológico para extração de DNA que possibilitará a genotipagem dos animais para estudos com vistas à seleção genômica e estudos de associação de genômica ampla. A segunda vertente incluirá registros dos sistemas de produção considerando seus custos e receitas, assim como consumo de recursos naturais manufaturados ou não.

PLATAFORMA

Plataforma +Precoce: sistemas melhorados para a produção do novilho precoce

2014-2018

Com Alessandra Corallo Nicacio, Camilo Carromeu, Fernando Paim Costa, Gilberto Romeiro de Oliveira Menezes, Mariana de Aragao Pereira, Rodrigo Carvalho Alva, Rodrigo da Costa Gomes e Sergio Raposo de Medeiros.

O objetivo do projeto é desenvolver uma ferramenta Web (Plataforma +Precoce) para a organização e disponibilização de informações a respeito de sistemas de cria, recria e engorda para a produção de bovinos destinados a programas e parcerias que bonificam carcaças por qualidade. Chamada de Plataforma +Precoce em alusão ao “novilho precoce”, um termo relacionado à qualidade, permitirá a geração de indicadores econômicos e ambientais para auxiliar o produtor na tomada de decisão e irá caracterizar a adequação esperada para os diversos programas e parcerias de carne de qualidade dos animais produzidos em cada sistema disponibilizado. 

INFOPEC

Gestão da informação e conhecimento referente as tecnologias, produtos e serviços gerados pela Embrapa e Instituições nacionais e internacionais para atender as demandas da bovinocultura de corte.

2014-2018

Com Camilo Carromeu, Carolina Castilho Dias, Filipe Toscano de Brito Simoes Correa, Guilherme Cunha Malafaia, Jose Roberto de Souza Freire, Nibia Queiroz de Paula, Paulo Henrique Nogueira Biscola e Rodrigo Carvalho Alva.

O objetivo do projeto é promover a gestão da informação e do conhecimento referente a demandas e tecnologias da Embrapa e instituições de pesquisa nacionais e internacionais voltadas à bovinocultura de corte.

PORTILPF

Gestão do Portfólio de Integração Lavoura-Pecuária-Floresta

2015-2018

MONITORA

Monitoramento de pequenas e médias propriedades na Área de Proteção Ambiental do Córrego Ceroula, Campo Grande/MS: um estudo de caso para análise e validação de índices de sustentabilidade para a pecuária de corte

2013-2016

Com Carolina Castilho Dias, Fernando Paim Costa, Mariana de Aragao Pereira e Rodiney de Arruda Mauro.

A questão da sustentabilidade do setor agropecuário tem sido amplamente debatida na sociedade e os holofotes têm se voltado para o setor pecuário, dada à elevada produção de gases de efeito estufa e à expansão da atividade em áreas de fronteira agrícola. Portanto, entender essa questão e propor meios de minimizar esses impactos negativos faz-se necessário, sobretudo entre pequenos e médios rebanhos, cujos obstáculos parecem ainda mais desafiadores. Além disso, há consenso que o nível gerencial dessas fazendas pecuárias é bastante precário, sendo esse um fator que reduz sobremaneira a longevidade do negócio e, portanto, a sua sustentabilidade no longo prazo. Por meio de uma abordagem quali-quantitativa, multidisciplinar e usando o estudo de caso como estratégia de pesquisa, o presente projeto-piloto visa monitorar e analisar indicadores de sustentabilidade aplicados a pequenos e médios rebanhos de bovinos de corte de Mato Grosso do Sul. Em particular, selecionou-se a Área de Proteção Ambiental (APA) do Córrego Ceroula, localizado na porção norte de Campo Grande, MS, como área de estudo, dados os problemas ocasionados pela pecuária, atividade típica nessa região, e que podem vir a comprometer a utilização dessa sub-bacia para o abastecimento futuro de água aos municípios de Campo Grande, Rochedo, Terenos e Jaraguari. 

E-MISSIONS

Desenvolvimento e validação de aplicativo web para avaliação de indicadores globais de sustentabilidade em sistemas de produção de gado de corte tradicionais e integrados com lavoura e floresta

2011-2015

Com Camilo Carromeu, Guilherme Cunha Malafaia, Manuel Claudio Motta Macedo, Rodrigo Carvalho Alva e Websten Cesario da Silva.

GEORASTRO

Sistema de geodecisão para rastreabilidade e produção sustentável da bovinocultura de corte

2011-2014

Com Erno Suhre, Fernando Paim Costa, Pedro Paulo Pires, Quintino Izidio dos Santos Neto e Rodrigo Amorim Barbosa.

Para os consumidores, segurança é um dos ingredientes primordiais do alimento de qualidade. Com a globalização, a repercussão de um malefício causado por ingestão de algum alimento consumido em qualquer parte do mundo é uma notícia que se alastra em poucos instantes, independente da distância do local de ocorrência. Nesse contexto, a exigência da rastreabilidade das informações referentes aos alimentos é uma condição de destaque quando o objetivo é a conquista da confiança e da fidelidade do consumidor. A sustentabilidade da bovinocultura deve contar com a incorporação de tecnologias e ferramentas inovadoras, de fácil compreensão, economicamente viáveis e espacialmente explícitas para o registro de dados sobre práticas de produção, incluindo dados sobre a condição e mobilidade animal, assim como origem e qualidade do produto. O projeto GeoRastro surge a partir das necessidades e demandas por segurança e qualidade dos alimentos na produção extensiva de carne bovina. A identificação animal é um pré-requisito inevitável no rastreamento do rebanho. Neste aspecto, a identificação eletrônica torna-se uma poderosa ferramenta ao interligar os elos da cadeia produtiva. O projeto atua no aperfeiçoamento de dispositivos eletrônicos utilizados na identificação e posicionamento do animal, incorporando informações sobre manejo e sanidade. Com a aplicação das ferramentas de tecnologia da informação e de sistemas de informação geográfica (SIG), é possível realizar o cruzamento de dados relacionados aos animais e às atividades pecuárias com informações relacionadas ao espaço geográfico. O projeto também trabalha no desenvolvimento de um armazém de dados que possibilitará a inclusão de informações ambientais e a implementação de algoritmos inteligentes de extração de conhecimento, criando um sistema de geodecisão da produção sustentável de carne bovina. Mais informações, acesse: http://www.cnpm.embrapa.br/projetos/georastro 

AGSPEC

Integração de dados multisensor e espectroscopia de reflectância aplicados ao mapeamento de alvos estratégicos da agricultura tropical

2011-2014

A intensa demanda mundial por alimento, aliada a questões ambientais de uso sustentável dos recursos naturais, delineiam um quadro de busca pela máxima eficiência na produtividade agrícola, o que envolve maior eficácia no monitoramento das áreas de cultivo. Ferramentas analíticas capazes de abarcar variação amostral e abrangência territorial representam um custo elevado de operação e replicação dos resultados. O sensoriamento remoto tem se mostrado ferramenta eficiente para o mapeamento/monitoramento de áreas agrícolas, sobretudo no acompanhamento de safras, déficit hídrico e medidas de biomassa, obtendo resultados sinópticos e espaciais extremamente relevantes porém, encontra-se ainda em desenvolvimento em termos da exploração de suas propriedades de quantificação e qualificação. O projeto objetiva desenvolver métodos quantitativos para o mapeamento remoto e a mensuração de características do solo e da planta. Como resultado, espera-se o desenvolvimento e aprimoramento de métodos de quantificação e análise não destrutivos, de fácil operação, adaptados ao contexto ambiental tropical e com aplicação direta no mapeamento de grandes áreas. Esse tipo de abordagem contribuirá na identificação de diferentes variedades de plantas, estádios fitossanitários dos cultivos, na redução direta dos custos econômicos e ambientais referentes ao uso de defensivos, bem como no estabelecimento de características pedológicas associadas à produtividade. O impacto de tal tecnologia é avaliado como fundamental para a redução de custos de pesquisa e produção agrícola, em primeira instância na cadeia produtiva da soja e, por conseguinte, de outros alvos de alta relevância para a agricultura. Mais informações, acesse: http://www.cnpm.embrapa.br/projetos/agspec

SALSA

Cadeias de alimentos com valor agregado através do conhecimento: ferramentas inovadoras para monitoramento ético, ambiental e dos impactos socioeconômicos para implementação de estratégias compartilhadas entre UE e América Latina

2011-2014

Com Ademir Hugo Zimmer, Camilo Carromeu, Guilherme Cunha Malafaia, Paulo Henrique Nogueira Biscola e Rodrigo da Costa Gomes.

Formação Acadêmica

Pós-Doutorado em

Humboldt Universität zu Berlin

2008-2010

Doutorado em Agricultura

Humboldt Universität zu Berlin

2001-2004

Especialização em Administração Rural

Universidade Federal de Lavras

1995-1996

Graduação em Medicina Veterinária

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

1990-1994

Idiomas

Português

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Italiano

Compreende razoavelmente, fala pouco, lê bem e escreve pouco.

Inglês

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Francês

Compreende bem, fala razoavelmente, lê bem e escreve pouco.

Espanhol

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Alemão

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Última atualização em 07-03-2016 08:04:47.

Powered by Pandora from PLEASE Lab.