Embrapa Gado de Corte
Gelson Luis Dias Feijo

Gelson Luis Dias Feijó

Laboratório de Qualidade de Carne

Enviar e-Mail de Contato

(67) 3368-2156

Cartão de Visita

http://lattes.cnpq.br/4556625478960100

Embrapa Gado de Corte

Área de Conhecimento

Ciências Agrárias » Zootecnia » Genética e Melhoramento dos Animais Domésticos

Palavras-chave

ACARICIDAS, Acabamento, Allium sativum, Analise de ligacao, BSE, Bezerro, Boophilus - controle, Borrego, Bos indicus, Bos taurus, Bovino, CARACTERÍSTICAS PRODUTIVAS, CARACTERÍSTICAS REPRODUTIVAS, Características de carcaça, Caracu, Carcass, Carcaça, Carne, Carne bovina, Carrapato, Casca de soja, Castração, Concentrado, Confinamento, Consumo, Controle estratégico, Cruzamento, Demanda, Desempenho animal, Desossa a quente, Digestibilidade, Disequilibrio de ligacao, ENDECTOCIDAS, Electrical stimulation, Eletroestimulação, Engorda, Entalpia, Estabilidade térmica, Fontes energéticas, Fontes protéicas, Gado de corte, Genetica animal, Genotipagem, Gordura, Grupos genéticos, Hamatobia irritans - controle, Helminto - controle, Heterose, Idade de abate, MARBLING, Maciez, Mamote, Marcador molecular, Maturação, Meat, Mercado, Microarray, Milho, Músculo, NELORE, Novilha, Novilho, Novilhos, Nutrição, Nível de concentrado, Osso, Ovino, PALATABILITY, PASTURE, PRNP, PRODUÇÃO DE CARNE, Pastagem, Pecuária de corte, Produção de gás, Qualidade, Rendimento, Rendimento de carcaça, Reprodução, SNP, SNP chip, Sabor, Sanidade, Scrapie, Silagem, Silagem de mombaça, Silagem de sorgo, Sistema de produção, Sorgo, Subprodutos, Suculência, Suplementação, TENDERNESS, Tecido conjuntivo, Uréia, Vacas, Vacas de Descarte, Verminose, Vitelo, bovinos de corte, cama de frango, cruzados, custos, economia rural, eficiência, ganho de peso, lipídios, marmoreio, pH, polimorfismo, prion, qualidade carcaça, qualidade da carne e ultrassom

Projetos

+ENGORDA

Soluções para a produção, qualidade e valorização do novilho precoce do Cerrado e do Pantanal

2016-2020

Com Gilberto Romeiro de Oliveira Menezes, Luiz Orcirio Fialho de Oliveira e Rodrigo da Costa Gomes.

SIPOC

Caracterização de arranjos produtivos locais e validação de tecnologias para incremento dos sistemas produtivos de ovinos e caprinos de corte no Brasil

2015-2018

Com Fernando Alvarenga Reis.

MAXPRECOCE

Integração de recursos nutricionais e genéticos para a produção de carne bovina de qualidade no sistema precoce

2013-2016

Com Gilberto Romeiro de Oliveira Menezes, Roberto Augusto de Almeida Torres Junior, Rodrigo da Costa Gomes e Sergio Raposo de Medeiros.

Ultimamente, diversas alianças mercadológicas têm sido criadas no Brasil, com o objetivo de consolidar novas formas de comercialização de carne bovina com base na produção de animais dentro de critérios técnicos que permitam a produção de carne de qualidade e, por isso, mais valorizada. Entretanto, um dos desafios dessas alianças é obter a eficiência biológica necessária para tornar a atividade viável economicamente. Desta forma, o objetivo do projeto é avaliar a integração entre diferentes estratégias de suplementação a pasto, na fase de recria, e de diferentes grupos genéticos sobre o desempenho, a eficiência biológica e econômica e a qualidade da carne de bovinos produzidos sob o sistema precoce, com terminação em confinamento. Ao longo do estudo, duas safras de novilhos e novilhas cruzadas com variados graus de sangue Nelore, Caracu, Canchim, Braford e Angus serão recriadas em pasto de capim Marandu e posteriormente terminadas em confinamento. Durante a recria a pasto, diferentes estratégias de suplementação serão avaliadas, com especial foco no uso do antibiótico virginiamicina em suplementos proteicos de seca e em mistura mineral de águas. Sendo os animais posteriormente submetidos ao mesmo regime de confinamento, os resultados destas diferentes estratégias poderão ser então comparados sob uma visão integrada das fases de recria e de terminação e sob à luz de aspectos econômicos e da qualidade da carne produzida. Ao final do estudo, espera-se disponibilizar recomendações de suplementação na fase de recria e de grupo genético que permita a produção de carne de novilho precoce com custo da arroba produzida 10% menor que a média dos grupos avaliados. Posteriormente, possíveis interessados tais como Associação Sul-matogrossense de Produtores de Novilhos Precoce, associações das raças Caracu, Canchim, Braford e Brangus, empresas parceiras na área de nutrição animal e sistema Famasul-Senar, serão contatadas para divulgação dos resultados obtidos, por meio de palestras, documentos da série Embrapa, newsletter dos próprios parceiros.

CARNENOBRE

Caracterização e avaliação molecular da carne de bovinos destinada ao mercado de cortes nobres: estudo com novilhas cruzadas

2014-2016

NIRSCARNE

Espectroscopia de infravermelho e próximo para predição da qualidade da carne bovina

2013-2016

O objetivo deste estudo é desenvolver uma metodologia de predição para qualidade da carne bovina via Espectroscopia de Infravermelho e Próximo (VIS-NIRS). Serão utilizados animais da raça Nelore e de cruzamentos entre raças de origem Bos indicus e Bos taurus, machos e fêmeas, totalizando 1,6 mil animais. A utilização de animais de diferentes sexos e composições genéticas será utilizada com o objetivo de criar um banco de dados com grande variabilidade para características de qualidade de carne e que permita a criação de curvas de calibração de VIS-NIRS, que melhor estimem a qualidade da carne, tanto de animais Nelore quanto de grupos heterogêneos de animais. Estas curvas poderão ser utilizadas no avanço de pesquisas com qualidade de carne, na coleta de fenótipos em larga escala e também na indústria como ferramenta de predição da qualidade da carne ainda na desossa e agregação de valor aos produtos.

BIFEQUALIC

Estratégias de cruzamento e de manejo para melhorar a eficiência de produção e a qualidade da carne bovina no Brasil

2011-2015

Com Roberto Augusto de Almeida Torres Junior e Sergio Raposo de Medeiros.

Dentre os fatores que determinam a qualidade da carne estão os atributos organolépticos e, dentre esses, a maciez é o mais valorizado pelo consumidor. Em razão do clima predominante no Brasil, cerca de 80% do rebanho bovino é de gado Zebu ou de animais azebuados que, reconhecidamente, apresentam níveis inferiores de qualidade de carne, especialmente maciez, quando comparados com gado Bos taurus. Vários trabalhos indicam que a maciez da carne diminui com o aumento da proporção de Zebu nos animais. A existência de raças taurinas adaptadas abre perspectivas de se aumentar a proporção de Bos taurus nos animais, sem reduzir a adaptação às condições das regiões de clima tropical e subtropical, para produzir um produto que satisfaça aos anseios do mercado consumidor. Assim, é necessário avaliar estratégias de utilização de recursos genéticos para as várias regiões e os diversos sistemas de produção do País. Para isso, os cruzamentos são delineados de maneira a se avaliar a possibilidade de aumentar a proporção de taurino no animal sem reduzir a adaptação, utilizando-se diferentes raças adaptadas e não adaptadas. O objetivo é avaliar estratégias de utilização de recursos genéticos animais para produção eficiente de carne bovina de qualidade, em diferentes regiões do País. O projeto será desenvolvido nos estados de Piauí, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e São Paulo. Será avaliado o desempenho de cruzamentos envolvendo raças bovinas visando à obtenção de animais que sejam produtivos, precoces em acabamento e produtores de carne macia e de pele e couro de boa qualidade.

SATEC

Adaptação de sistemas integrados de terminação de novilhos de corte para uso na terminação de cordeiros

2012-2014

Com Fernando Alvarenga Reis, Guilherme Cunha Malafaia, Jose Alexandre Agiova da Costa, Mariana de Aragao Pereira e Websten Cesario da Silva.

CRIAPANTA

Análise da intensificação sustentável do sistema de cria no Pantanal

2012-2014

LDCARNEDEZEBU

Desenvolvimento de marcadores moleculares em desequilíbrio de ligação para qualidade da carne bovina

2009-2011

Com Fabiane Siqueira e Marcos Vinicius Gualberto Barbosa da Silva.

HOMFIT

Eficiência de medicamentos homeopáticos e fitoterápicos no controle de endo e ectoparasitos de bovinos

2009-2011

Com Joao Batista Catto.

Entre os fatores que provocam redução na produtividade do rebanho estão: flutuações qualitativas e quantitativas da pastagem, manejo inadequado, incidência alta de parasitos e de doenças infectocontagiosas e carências minerais provocando perdas por mortalidade e, principalmente, pela menor eficiência produtiva dos animais. Atualmente, o controle de parasitos é feito com o uso de produtos químicos que podem contaminar a carne com resíduos, bem como serem prejudiciais a organismos não-alvos. Devido à resistência aos antiparasitários, à ecotoxicidade e à presença de resíduos na carne, existe uma necessidade de encontrar sistemas alternativos para o controle dos parasitos. Durante o projeto, foi avaliada a eficácia de tratamentos homeopáticos, fitoterápicos e alopáticos contra ecto e endoparasitas no ganho de peso de novilhas durante a recria. Duas formulações homeopáticas (Homeo bovis Parasitário® e Fator C&MC®), uma de fitoterápico (torta de neem® e óleo de neem®) e uma de medicamentos alopáticos (moxidectina 10%®) associado a uma formulação acaricida contendo cypermetrina, clorpirifós e butóxido de piperonila® foram comparados com animais que não receberam nenhum tratamento.  A contagem de ovos de nematódeos nas fezes (OPG), a infestação por mosca-dos-chifres (Haematobia irritans), carrapato (Boophilus microplus) e a pesagem dos animais foram realizadas em intervalos de 28 dias. No primeiro ciclo foi coletado sangue para avaliar a resposta imune. Nenhum dos quatro tratamentos teve efeito na infestação por mosca-dos-chifres. Nos dois ciclos, o número médio de carrapatos foi baixo e apenas no primeiro foi significativamente menor no tratamento utilizando medicamentos alopáticos em relação aos demais. A média de OPG no tratamento alopático foi significativamente mais baixa que nos demais tratamentos nos dois ciclos experimentais. Não houve efeito dos quatro tratamentos na resposta imune das novilhas. Os animais do tratamento alopático ganharam entre 22 a 30 quilos de peso vivo a mais que os não tratados ou tratados com medicamentos homeopáticos ou fitoterápico. A análise de benefício/custo mostrou que os tratamentos antiparasitários estratégicos com endectocidas e acaricidas  convencionais  proporcionaram taxa de retorno por capital investido de 551%, enquanto que nos tratamentos alternativos variou entre -26% a 19%.

COLAGENO-MP3

Desenvolvimento de marcadores moleculares associados à dureza da carne bovina devida à deposição de colágeno termo-estável

2008-2011

Com Carlo Cesar Simioli Garcia, Fabiane Siqueira, Fernando Paim Costa, Roberto Augusto de Almeida Torres Junior, Roberto Giolo de Almeida e Sergio Raposo de Medeiros.

BOVCRUZADOS

Avaliação de polimorfismos de genes candidatos como indicadores da qualidade da carne em bovinos abatidos em idade jovem.

2008-2010

Com Fabiane Siqueira e Roberto Augusto de Almeida Torres Junior.

MARCQUALICARNE

Marcadores moleculares para qualidade da carne bovina: estudos de validação e aplicação na escolha de cruzamentos.

2007-2009

Com Fabiane Siqueira, Roberto Augusto de Almeida Torres Junior, Sergio Raposo de Medeiros e Valeria Pacheco Batista Euclides.

Formação Acadêmica

Doutorado em Animal Breeding and Genetics

University of Wisconsin - Madison

2002-2007

Mestrado em Zootecnia

Universidade Federal de Santa Maria

1991-1993

Graduação em Medicina Veterinária

Universidade da Região da Campanha

1984-1988

Idiomas

Inglês

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Espanhol

Compreende bem, fala pouco, lê bem e escreve pouco.

Última atualização em 13-12-2016 10:01:05.

Powered by Pandora from PLEASE Lab.