Embrapa Gado de Corte
Renato Andreotti e Silva

Renato Andreotti e Silva

Chefia Adjunta de Pesquisa e Desenvolvimento

Enviar e-Mail de Contato

(67) 3368-2173

Cartão de Visita

http://lattes.cnpq.br/3621407609889650

Embrapa Gado de Corte

Resumo

Possui graduação em Medicina Veterinaria - pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - Departamento de Ciências Agrárias (1982), mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular) pela Universidade Federal de São Paulo (1992) e doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular) pela Universidade Federal de São Paulo (2002) com bolsa sanduíche realizada nos Estados Unidos, na University of Wisconsin-Madison, realizou pós-doutorado no laboratório da ARS/USDA em Kerrville,Texas, Estados Unidos (2009/2010). Atualmente é pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária no CNPGC, Campo Grande, atua na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul como professor do Programa de Pós-Graduação em Ciência Animal e do Programa de Pós-graduação em Doenças Infecciosas e Parasitárias. Mantem parceria com o laboratório da ARS/USDA em Kerrville,Texas, Estados Unidos; com a Universidade de Queensland, em Brisbane, Austrália; com a Universidade Técnica de Lisboa, Portugal e com a Universidade de Makarere em Uganda. Tem experiência na área de Bioquímica, com ênfase em Biologia Molecular, atuando principalmente nos seguintes tema: Eco-epidemiologia, diagnóstico e controle de parasitas com importância sanitária/econômica.

Área de Conhecimento

Ciências Biologicas » Bioquímica » Biologia Molecular

Palavras-chave

Boophilus microplus, Serine proteinase inhibitor, APTT, Agricultura familiar, Argasidae, Blood Coagulatio, Blood coagulation, Bm86, Boophilus microplus, Bovino de corte - Reprodução, Brasil, Campo Grande, Candida albicans, Candidemia, Caprinos, Carrapato, Congresso, DNA, DOENÇAS TROPICAIS, Diagnóstico, ENTEROTOXINA, ESCHERICHIA COLI, Eficiência reprodutiva, Evandromyia cortelezzii, Febre maculosa brasileira, Gambá, Gavac, HIV, Haematobia irritans irritans, Hammondia, IFA, IFAT, IL-12, IgG, Infecção corrente sangüínea, L longipalpis, MEDICINA TROPICAL, Mato Grosso do Sul, Microesferas, Nc-p43, NcSRS2, Neoporose, Neospora caninum, Neosporose, Neosporose,, Non-human primates, P. pastoris, Parasito, Pichia pastoris, Protein purification, Puma concolor, R. microplus, Rhipicephalus (Boophilus) microplu, Rhipicephalus (Boophilus) microplus, Rickettsia, Rio Grande do Norte, Serine proteinase inhibitors, T. cruzi, Theileria equi, Tick, TickGard, Ticks, Trypsin-like enzyme, VACCINES, Vetor, abortion, aborto, acaricidas, acaricide, acido lecanorico, adjuvant, ambiente, amblyomma, animais silvestres, animais sinantrópicos, anocentor nitens, anti-tick vaccine, antibioticos, antibodies, anticorpos, antigen, antígenos, arboviral infection, arboviroses, arbovirus, arboviruses, bacteriome, beef cattle, bezerro, bezerros, biologia celular, biologia molecular, biology, bioquimica, blood, bm86 Campo Grande, bm95, bmTI, boophilus, bovine, bovines, bovinos, bovinos de corte, caiman, cancer, candida, capinos, carrapato-do-boi, carrapatos, cattle tick, cerrado, chelonia, clonagem, coagulação, coleção, comportamento, composicao quimica, confinamento, control, controle, controle biologico, cromatografia, cães, cão, desenvolvimento corporal, diagnosis, diagnosltico, diagnostico, diarreia, dieta, dipelphis, doencas de pele, doença de lyme, doenças, dogs, ecoepidemiologia, ecologia, economia, economic loss, ectoparasitas, ectoparasitos, efficiency, elisa, encefalopatias, epidemiologia, epidemiologia molecular, epidemiologia participativa, epidemiology, eqüinos, exercício, fauna, febre amarela, fibrinolytic activity, fitoterapia, fitoterápicos, flavivirus, flebotomineos, flebotomos, gado de corte, galinhas, genome, gerbil, haematobia, hematologia, hematophagous, histamina, hospedeiro, host, igG1, igG2a, immune response, immunization, impact economic, imunobiologico, imunofluorescência indireta, imunohistoquímica, imunoproteção, indirect fluorescentce antibody test, infection, infecção natural, infecção tuberculosa, infecções por arbovirus, inhibitor, inibidor, inibidores, isolados, isospora, ivermecina, ixodes, ixodes loricatus, izodofauna, jacare, kininogen, lactato, leishmania, leishmania chagasi, leishmaniose canina, leishmaniose humana, leishmaniose tegumentar, leishmaniose visceral, lipoptena, liquens, lutzomyia longipalpis, manejo, mazama, megaselia scalaris, metodologia, microbes, microscopy examination, molecular detection, neonatal, neospora, neosporosis, novilhas, novilho precoce, nucleotideos, nutricao, ocorrencia, oocisto, ovino, ovinos, pantanal, parasite, parasitoid, parasitologia, parecer, patógenos, pcr, pequenos ruminantes, perda economica, perdas economicas, planejamento, plasma, pleurisy, polymerase chain reaction, prevencao, primatas, primatas não humanos, producao, producao animal, producao familiar, proteina recombinante, proteinases, prova tuberculínica, quantiferon, quatis, quilombola, quimioprevenção, rBm86, raiva, rapd, reação em cadeia de polimerase, recombinant Bm*6, recombinant protein, reproducao, reprodução, resistance, resistência, resposta imune, rhipicephalus sanguineus, rickettsioses, riphicephalus, rv1/rve2, saliva, sangue, sanidade, sanidade animal, saude, saude animal, sensoriamento remoto, serology, seroprevalence, sheep, sistema prisional, sorologia, soroprevalência, spotted fever, tagetes, tatu, taxonomia, tecnologia, temperatura, teste de pacote de larvas, teste elisa, thermal selection, tick-borne diseases, tipagem molecular, triatoma sórdida, triatomine infection monitoring, triatomíneos, tripsina, trypanosoma cruzi, trypanosorma cruzi, tuberculose, urban area, urbanização, vaca louca, vaccine, vacina, vacine, vacinologia reversa, validação, valores bioquimicos, veado, vector, veterinaria, vetores, vetores de doenças, visceral leishmaniasis, wild animal, zoonose, zoonoses, zoonosis, área de fronteira e área rural

Projetos

SANIGENE

Ferramentas genéticas para aumentar a resistência a carrapatos, aos agentes da tristeza parasitária, a ceratoconjuntive e ao carcinoma ocular em bovinos de corte

2014-2018

Com Fabiane Siqueira, Marcos Vinicius Gualberto Barbosa da Silva e Newton Valerio Verbisck.

Problemas sanitários são frequentemente limitantes da produtividade da pecuária de corte brasileira e demandam intenso uso de insumos químicos em tratamentos nem sempre muito eficazes, especialmente na criação de bovinos com alto percentual taurino. Entre as principais causas sanitárias de perdas produtivas em bovinos está o carrapato, ectoparasita distribuído em todo território brasileiro e que provoca diminuição de desempenho pelo hematofagismo, desvalorização do couro, altos gastos com insumos e a transmissão dos agentes etiológicos da tristeza parasitária bovina (TPB). A ferramenta principalmente utilizada para o combate do carrapato são os produtos químicos carrapaticidas, mas seu uso intenso e inadequado tem levado as populações de carrapatos a tornarem-se resistentes e os tratamentos ineficazes. Neste sentido, o direcionamento genético da sanidade de bovinos de corte pode ser amplamente impactado pelo desenvolvimento de testes genômicos capazes de identificar animais resistentes às principais enfermidades de bovinos. Outras duas enfermidades que também causam grande prejuízo na criação de raças taurinas são a Ceratoconjutivite Bovina Infecciosa e o Carcinoma de Células Escamosas Ocular. A presente proposta busca o avanço do conhecimento sobre os mecanismos de resistência e o desenvolvimento de estratégias e de testes genômicos para selecionar bovinos de raças taurinas puras e cruzadas com zebuínos mais resistentes a carrapatos, agentes da tristeza parasitária, ceratoconjuntivite e ao carcinoma ocular. Para atingir esse objetivo serão integradas as competências e estruturas de Associações de raças conveniadas a Embrapa Pecuária Sul (Associações Brasileira de Hereford e Braford e de Angus e Conexão Delta G) por meio de seus criadores, técnicos e rebanhos, e da Embrapa, através de seus pesquisadores, conhecimentos, infraestrutura instalada e parcerias, especialmente as iniciativas envolvendo sanidade, imunologia e genética das Embrapas Pecuária Sul, Gado de Corte, Gado de Leite, Informática Agropecuária, Pecuária Sudeste e Recursos Genéticos e Biotecnologia. O projeto conta também com a participação das seguintes instituições: Deoxi Biotecnologia LTDA, Universidade Federal de Uberlândia, Universidade Federal de Pelotas, Universidade de Brasília, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Universidade da Região da Campanha, Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho e USDA-ARS.

TICKVAC

Desenvolvimento de vacina contra o carrapato-do-boi Rhipicephalus (Boophilus) microplus baseada na vacinologia reversa

2014-2018

Com Jacqueline Cavalcante de Barros e Wilson Werner Koller.

RGA-II

Rede nacional para o desenvolvimento e adaptação de estratégias genômicas inovadoras aplicadas ao melhoramento, conservação e produção animal

2013-2017

Com Anna Beatriz Robottom Ferreira, Antonio do Nascimento Ferreira Rosa, Fabiane Siqueira, Jacqueline Cavalcante de Barros e Marcos Vinicius Gualberto Barbosa da Silva.

VACTOXO

Desenvolvimento e avaliação de vacina recombinante para o controle da toxoplasmose em ovinos

2014-2016

Com Fernando Alvarenga Reis, Jacqueline Cavalcante de Barros, Lenita Ramires dos Santos, Marlene de Barros Coelho Caviglioni e Newton Valerio Verbisck.

TEXAS

Abordagem molecular no diagnóstico da resistência e no controle do carrapato-do-boi

2009-2011

BM86-CGVAC

Desenvolvimento de uma vacina recombinante contra o carrapato-do-boi Rhipicephalus Boophilus microplus, baseada na proteína Bm86 a partir do isolado Campo Grande (Bm86-CG)

2008-2010

Com Jacqueline Cavalcante de Barros.

MRCBCMS

Monitoramento da resistência de populações de carrapatos Rhipicephalus (Boophilus) microplus a acaricidas em bovinos nas bacias leiteiras do Estado de Mato Grosso do Sul

2008-2010

Formação Acadêmica

Pós-Doutorado em

Agricultural Research Service

2009-2010

Doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)

Universidade Federal de São Paulo

1999-2002

Mestrado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular)

Universidade Federal de São Paulo

1990-1992

Graduação em Medicina Veterinaria

Departamento de Ciências Agrárias

1979-1982

Idiomas

Português

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Inglês

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Espanhol

Compreende bem, fala razoavelmente, lê bem e escreve razoavelmente.

Última atualização em 10-04-2017 09:31:47.

Powered by Pandora from PLEASE Lab.