Embrapa Gado de Corte
Cacilda Borges do Valle

Cacilda Borges do Valle

Grupo de Pesquisa Vegetal

Enviar e-Mail de Contato

(67) 3368-2077

Cartão de Visita

http://lattes.cnpq.br/5662858299034942

Embrapa Gado de Corte

Área de Conhecimento

Ciências Agrárias » Zootecnia » Pastagem e Forragicultura » Melhoramento de Plantas Forrageiras e Produção de Sementes

Palavras-chave

seleção, 2n gamete, 2n gametes, 58 acessos, 8 primers, AVALIAÇÃO, Adaptation, Adventitious shoots, Agronomic evaluation, Agronomy of Brachiaria, Andropogon, Análise multivariada, Arachis, Arapoti, Asexual reproduction, Aspergilus nidulans, Asynchronous cell division, Autotetraploide Induzido, Avaliacao Germoplasma, Avaliacao de Pastagens, Avaliação agronômica, B brizantha, B. brizantha, B. decumbens, B. dictyoneura, B. dura, B. humidicola, B. ruziziensis, B.. humidicola, BLUP/REML, BRASIL, BRS Piata, Bean breeding, Brachiaria, Brachiaria brizantha, Brachiaria brizantha, Brachiaria decumbens, Brachiaria decumbes, Brachiaria dictyoneura, Brachiaria dura, Brachiaria humidicola, Brachiaria hybrid, Brachiaria jubata, Brachiaria nigropedata, Brachiaria ruziziensis, Brachiaria spp, Brachiria brizantha, Brazil, Brazilian savannas, CERRADO, Capim Braquiaria, Capim Xaraés, Capim-Xaraés, Capim-marandu, Características agronômicas, Carrying capacity, Cassava breeding, Centrosema, Cerrados, Chemical composition, Chromatin fragmentation, Chromosome duplication, Chromosome stickiness, Cinética da digestão, Citogenetica, Classificação botânica, Composicao Botanica, Composicao Fibra, Congograss, Conservacao de Forragens, Consorciacao, Correlações canônicas, Cruzamentos Interespecificos, Cultivars, DNA polymorphisms, Deois flavopicta, Diferimento, Digestibilidade, Digestibilidade Fibra, Divergência genética, Embrapa Gado de Corte, Embriões imaturos, Engenharia Genetica, Ensaios regionais, Etapas Para Lancamento, Expressao Genica, FDA, FDN, Feno-Em-Pe, Fertilizacao, Flow cytometry, Forage availability, Forrageiras Diferidas, Forrageiras Tropicais, Froghopper, GAPDH, Genetic variation, Genetica Molecular, Germoplasm evaluation, Germplasm, Glycine max, Gramineae, Gramineas Forrageiras, Gramineas Tropicais, Grass evaluation, Grinding resistance, Heranca, Heranca da Apomixia, Hibridacao, Hibridacao Interespecifica, Hibridos Interespecificos, Hibridos de Brachiaria, Host plant resistance, Immature embryos, Indução de calos, Inheritance of apomixis, Insect resistance, Latossolo, Marandu, Marcador Molecular, Megathyrsus, Mehlich-1, Meios de cultura, Melhoramento Genetico, Melhoramento interespecífico, Metabólitos secundários, Metodos de Melhoramento, Micorsporogenesis, Micropropagation, Mode of Reproduction, Modo de Reproducao, Monossacarideos, Morphological descriptors, Multibrotação in vitro, Multicolinearidade, NIRS, NPK fertilization, NYMPHAL SURVIVAL, Natural distribution, Nelore, Norte de Minas, Notozulia entreriana, Novas forrageiras, Numerical taxonomy, Numero-Comportamento Cromossomico, Ordenamento, P. maximum, PCR, Panicum, Panicum maximum, Paquiteno, Parede Celular - Fibra, Paspalum/Pennisetum, Pastagens Consorciadas, Pasture, Pennisetum, Persistence, Pests, Physical strength, Piatã, Plant Breeding, Polyploid, Polyploidization, Processo de desenvolvimento, Producao Forrageira, Qualidade Forragem, RAPD, REML-BLUP, RT-qPCR, Recursos Geneticos, Regional experiences, Registro de Cultivares, Repetibilidade, Reproducao Vegetal, Resistencia A Cigarrinha, Resistencia Cigarrinha, Restitutional nucleus, Rice breeding, SDS-PAGE, SELEGEN REML/BLUP, SSR, SSRs, STRUCTURE, Salvamento de embriões, Selecao, Selecao de Cultivares, Selecao de Hibridos, Seleçao de culitvares, Shearing strength, Simple Sequence Repeats, Somatic embryogenesis, Stocking rate, Structure Program, Stylosanthes, Stylosanthes capitata, Stylosanthes guianensis, Suplementação a pasto, Taxa de degradaçaõ, Taxa de lotação, Taxonomia Numerica, Taxonomia numérica, Taxonomy, Tempo de espera, Tetraploids, Tissue culture, Tolerância ao alumínio, Tully, Tupi, Técnicas de cruzamento, UPGMA clusters, Urochloa brizantha, Urochloa decumbens, Urochloa humidicola, VCU, Xaraés, aberrações, abnormal cytokinesis, absence of cytokinesis, acamamento, acoplamento de plasma induzido, acumulo de lâmina foliar, acurácia, adaptação, adaptação a solos ácidos, aderências, adubação, adubação de manutenção, adubação fosfatada, adubação nitrogenada, agentes mutagênicos, agronomia, agrupamento, alagamento temporário, allopolyploidization, allopolyploidy, allotriploidy, alongamento de folhas, alopoliplóides, alta produtividade, altura do pasto, alturas de corte, aluminio toxico, aluminum tolerance, aluminum toxicity, analise Bayesiana, analise de propostas e pré-propostas, analysis of deviance, anatomia, anatomia foliar, aneuploidia, animal performance, anormalidades, anormalidades cromossômicas, antibiose, antibiosis, análise cromossômica, análise de agrupamento, análise de experimentos, análise discriminante, análise química, análises multivariadas, apomixia, apomixis, apomíxia, apoptosis, aposporia, aposporous apomixis, apospory, aquecimento global, archesporial syncytes, ascensão precoce, ascenção precoce, assexual reproduction, associações cromossômicas, assynchrony in meiosis, asynchronous meiosis, atributos anatômicos, autofecundação, autohexaploids, autopoliploidy, avaliação agronomica, avaliação morfológica, avaliação sob pastejo, baixa tolerância a cigarrinhas, banco de germoplasma, basic chromosome number, biotecnologia, bivalents, brachiariagrasses, braquiarias, braquiária, breeding, breeding program, breeding programs, brusone, bulk segregant analysis, cDNA sequences, calagem, calcário, calopogonio, capacidade de rebrota, capacidade geral de combinação, capcidade rebrota, capim BRS Tupi, capim braquiária, capim colonião, capim tropical, capim-braquiária, capins, capins africanos, caracteres agronômicos, caracteristicas morfológicas, caracterização, caracterização agronômica, caracterização fenotípica, caracterísitcas físicas, caracterísitcas morfologicas, característica morfológicas, características estruturais, características morfológicas, carcterização morfológica, carvão, caráter de limiar, cell fusion, certificação de origem, chaotic spindle, chomosome stickiness, chormosome stickiness, chromatin condensation, chromosome abnormalities, chromosome affinity, chromosome association, chromosome behavior, chromosome doubling, chromosome elimination, chromosome number, chromosome pairing, cigarrinha, cigarrinhas, cinética da fermentação, cisalhamento, citocinese, citocinese irregular, citogenética, citogenética de forrageiras, citogenética de híbridos, citologia, citometria de fluxo, clonagen in vitro, colchicine, coleta de flores, coleção de acessos, colinearidade, competition, componente morfológico, componentes principais, comportamento cromossomico, comportamento cromossômico, comportamento meiótico, composição morfológica, composição química, conservação, coportamento meiótico, correlation, correlações, correlações genéticas, covariável, crescimento, critério de seleção, critérios de mérito, critérios mínimos, cromossomos, cromossomos retardatários, crop and pasture association, cruzamento interespecífico, cruzamentos, cruzamentos artificiais, cruzamentos controlados, cruzamentos interespecíficos, cultivar, cultivar Piatã, cultivar Tupi, cultivar development, cultivar evaluation, cultivar forrageira, cultivar identification, cultivar protection, cultivar selection, cultivares, cultivares forrageiras, cultivo in vitro, cultura de embrião, cultura de tecidos, curva de crescimento, cv. BRS Paiaguás, cv. BRS Tupi, cv. BRS Zuri, cv. Campo Grande, cv. Massai, cv. Xaraés, cytogenetics, cytokinesis, cytomixis, deficit hídrico, degradabilidade, descarte de variáveis, descritores, descritores morfológicos, desempenho animal, desempenho de clones, desenvolvimento científico regional, desfolha, desynapsis, differential expression, diploide, diploids, diploidy, distinguibilidade, divergent spindle, diversidade genética, diversificação, diversificação de pastagens, divisão celular, divisão meiótica, doença exótica, dominância, duplicação cromossômica, duração de vida da folha, dyads, elaboração de pareceres, eliminação de genoma, embriogênese, embriões maduros, embryo-sac analysis, embryo-sac evaluation, endogamia, energia renovável, enraizamento, environment, environmental effects, enzima málica, epidermal stegmata, epiderme, escolha de genótipos, espectometria de emissão atômica, espiguetas, esporos, espécies, espécies nativas, esterase, esterilidade, esterilidade do pólen, estilosantes, estresse abiótico, estresse hídrico, estresse por alumínio, estrutura girder, evolution, extrusa, feixes transversais, female genitor, fenologia, fermentação in vitro, fertilidade do solo, fertilização in vitro, fibra, filocrono, fixação de carbono, fixação de nitrogênio, florescimento precoce, fluxo de tecidos, fluxo genico, flósculos, forage, forage breeding, forage grass, forage grass breeding, forage grasses, forage legume, forage quality, formação de pastagens, formação de pólen, formação de sementes, forrageias tropicais, forrageira, forrageiras, forragicultura, forrajeras tropicales, força, força de cisalhamento, fotossíntese, fungo patogênico, fusional syncytes, fuso divergente, fusos irregulares, fácil manejo, fósforo, gametogênese, gametophitic cell, ganho de peso, ganho por seleção, ganhos por seleção, gene introgression, generative cell, genetic control, genetic correlations, genetic divergence, genetic diversity, genetic improvement, genetic parameters, genetic value, genitor selection, genome affinity, genome elimination, genome separation, genomic affinity, genomic analysis, genomic libraries, genotype x environment, genotypic selection, genotypic values, genótipos, germoplasma, germoplasma forrageiro, germoplasma forrajero, germplasm conservation, giberela, girder, girder structure, gramineas, gramínea, gramínea tropical, gramínea forrageira, gramínea tropical, gramíneas, gramíneas forrageiras, gramíneas tropicais, grass, grass breeding, grass cultivar, grasses, grazing management, guineagrass, gêneros, heptaplóides, herança, herança da apomixia, herbivoria, herdabilidade, heritability, hetereocários, hexaploidy, hexaplóides, hexavalentes, hibridação interespecífica, hibridos apomíticos, hibridos intraespecíficos, hybridization, hybrids, hydroponic system, hábito de crescimento, híbridos, híbridos interespecíficos, híbridos sexuais, identificação de híbridos, importância das pastagens, improved varieties, incompatibilidade gametofítica, incubação in vitro, index, indice de velocidade de germinação, induced tetraploidy, indução ao florescimento, indução por colchicina, inflorescência, inseto-praga, insterspecific hybrids, insucesso, integração lavoura-pecuária, intenso perfilhamento, interpolar microtubules, interspecific crosses, interspecific hybrid, interspecific hybridization, interspecific hybrids, intraspecific crosses, intraspecific hybridization, intraspecific hybrids, irregularidades cromossômicas, irregularidades meióticas, isoenzimas, julgamento de projetos, koronivia grass, koroniviagrass, laggards, lançamento, leaf anatomy, leguminosa, leguminosa forrageira, leguminosas, leucena, lignina, limitação de pólen, linkage map, magnésio, male gametes, male sterility, male-steriity, malhoramento de forrageiras, manejo de pastagem, mapeamento, marcadores microssatelites, marcadores moleculares, marker assisted selection, marker dosage, massa de forragem, matéria seca, matéria seca foliar, meiose, meiose irregular, meiosis, meiosis II, meiosis arrest, meiotic abnormalities, meiotic behavior, meiotic instability, meiotic mutation, meiotic rhythm, meiotic synchrony, mejoramiento genético, melhoramento, melhoramento de braquiária, melhoramento de forrageiras, melhoramento de plantas anuais, melhoramento de plantas perenes, melhoramento genético, melhoramento genético vegetal, melhoramento vegetal, meristemas, metano, methane emission, microcytes, microgametogenesis, micronuclei, micronúcleos, micropropagação, microsatellite markers, microsattelites, microspore degeneration, microspore polarity, microsporogenesis, microsporogênese, microssatélites, milho-pipoca, mitose, mixed models, modelos de crescimento, modo de reprodução, molecular breeding, molecular characterization, molecular markers, monocultivo, morfologia, morphological characteristics, morphological characterization, multibrotação, multiple spindle, multiple spindles, multivariate analysis, mutants, mutation, mutação, método de melhoramento, método laboratorial, métodos de melhoramento, natural hybridization, network trial, new cultivars, nova cultivar, nova doença, nova forrageira, novas cultivares, novas técnicas, nucleolar cycle, nucleus polarization, nutrient solution, nutritional evaluation, nutritive value, nutrição, nymphal period, níveis de ploidia, nível de ploidia, núcleos de restituição, número cormossômico, número cromossômico, número de cromossomos, oferta de forragem, origem, orthologous genes, oxisol, padrão de resposta, padrões eletroforéticos, pairing affinity, palisade grass, parameiose, parassexualidade, parceria, parceria privada, pareamento irregular, parede celular, parâmetros genéticos, pastagem, pastagem irrigada, pastagens, pastagens cultivadas, pastagens tropicais, pastejo contínuo, pasturas tropicales, pasture diversification, pastures, pentaploid, pentaploides, perfilhos aéreos, perfilhos basilares, perfilhos reprodutivos, perfilhos vegetativos, período ninfal, physical structure, physical x chemical parameters, pistilo, plantas forrageiras, plantio, plasmídeo pACT1-D, plasmídeo pTRA-151, ploidia, ploidy level, polimorfismo genético, polimorfismos de DNA, polinização aberta, poliploides, poliploidia, poliploidização, poliplóides, pollen cell fate, pollen fertility, pollen formation, pollen mitosis, pollen sterility, pollen viability, polyads, polyploid abnormalities, polyploidy, políades, porcentagem de folhas, porcentagem de germinação, pragas/doencas, precocious cytokinesis, precocious migration, primers, produtividade, produtividade animal, produção, produção animal, produção de flores e frutos, produção de forragem, produção de gás, produção de sementes, produção na seca, produção vegetal, programmed cell death, progênies, progênies de policruzamento, proteomics, protocolo de assepsia, protocolo de extração, protocolo de geminação, protodioscina, pseudogamy, pólen, qualidade, qualidade de forragem, qualidade física, rRNA18S, radiação solar, rank of hybrids, recombinação genética, recursos genéticos, recém-doutor, regional trials, registro de cultivares forrageiras, rendimento de sementes, repeatability, resistance, resistance marker, resistant hybrid, resistência, resistência a cigarrinha, resistência a doenças, resistência a ruptura, resistência foliar, review, root length, root tips, sacos embrionários, safranina O, safrinha, saturação por bases, savannas, seed production, seleccion, selection, selection of parents, seleçao de híbridos, seleção, seleção assistida, seleção de acessos, seleção de cruzamentos, seleção de cultivares, seleção de genitores, seleção fenotípica, seleção recorrente, sementes, sementes de forrageiras, sexual hybrids, sexual reproduction, sexualidade, sexuality, signalgrass, similaridade genética, similarity coefficient, sinonímias, sintenia, sistema de produção, sobrevivência, sobrevivência ninfal, solos mal drenados, solos ácidos, solução nutritiva, sperm cell, sperm cells, spindle checkpoint, spittlebug, spittlebug resistance, sterility, structural components, sucesso reprodutivo, superóxido dismutase, susceptibilidade, susceptibilidade a cigarrinhas, sustentabilidade, symmetric division, syncytes, taxa de cruzamento, taxa de degradação, taxa de desaparecimento, taxonomia, teliósporos, teor de elementos, teor de fibra, teste de progênies, tetraploides, tetraploidia, tetraploidy, three-way hybrids, transferability, transgênicos, triades, tropical forages, tropical grass, tropical grasses, tropical legumes, tropical pastures, unbalanced gametes, uninucleate pollen, univalentes, uso de germoplasma, uso de marcadores, utilização de forrageiras, valor agronomico, valor genotípico, valor genético, valor nutritivo, valores genotípicos, valores genéticos, vantagens, variabilidade, variabilidade genética, variability, variáveis canônicas, variância genotípica, vegetative cell, vegetative compatible group, veterinária, viabilidade de cruzamento, viabilidade de sementes, viabilidade polínica, viablidade polínica, zimogramas, Índice de seleção e época de florescimento

Projetos

MEGFOR

Melhoramento Genético de Urochloa mosambicensis e Cenchrus ciliaris para o Semiárido Brasileiro

2018-2021

Com Lucimara Chiari.

FORRAGENS

Genômica Funcional e Estrutural de Espécies Forrageiras Tropicais

2016-2019

Com Karem Guimaraes Xavier Meireles e Lucimara Chiari.

BRACMELHOR

Melhoramento genético e desenvolvimento de cultivares de Brachiaria spp. visando à sustentabilidade da produção pecuária

2015-2019

Com Andrea Raposo, Celso Dornelas Fernandes, Dalizia Montenario de Aguiar, Denise Baptaglin Montagner, Edson Espindola Cardoso, Erno Suhre, Fabricia Zimermann Vilela Torres, Haroldo Pires de Queiroz, Jaqueline Rosemeire Verzignassi, Jose Raul Valerio, Karem Guimaraes Xavier Meireles, Lucimara Chiari, Luiz Antonio Dias Leal, Manuel Claudio Motta Macedo, Mariane de Mendonca Vilela, Roberto Giolo de Almeida, Rodrigo Amorim Barbosa, Rosangela Maria Simeao Resende, Sanzio Carvalho Lima Barrios, Valdemir Antonio Laura e Valeria Pacheco Batista Euclides.

O objetivo do projeto é desenvolver e lançar novas cultivares de braquiária com diferenciais qualitativos, de produtividade e resistência a estresses bióticos e abióticos para diferentes ecossistemas de produção animal e sistemas integrados visando contribuir para uma produção pecuária sustentável. Gramíneas do gênero Brachiaria vêm contribuindo decisivamente para o desenvolvimento da bovinocultura nacional fazendo do Brasil o segundo maior produtor e maior exportador mundial de carne bovina. Como a maioria do rebanho bovino é criada e terminada a pasto, o diferencial qualitativo do produto brasileiro são animais produzidos com menor risco associado à “vaca louca”, observando o bem estar animal e menor custo de produção. Ademais, com as mudanças climáticas previstas torna-se ainda mais importante o desenvolvimento de novas cultivares de Brachiaria, garantindo maior produtividade, adaptação a estresses e melhor valor nutritivo visando mitigar a emissão de gases de efeito estufa pelos bovinos em pastejo, de forma a garantir a sustentabilidade desse agronegócio. A diversificação dos extensos monocultivos de braquiária e a demanda crescente por novas cultivares superiores às existentes são o principal foco a ser trabalhado nesse projeto, uma continuação do projeto finalizado em março de 2015 que liberou as cultivares BRS Paiaguás e BRS Tupi, ambas registradas e protegidas.  

FBNBRAPA

Estratégias microbiológicas e moleculares para a seleção de interações benéficas entre bactérias diazotróficas e genótipos de Paspalum e Brachiaria e suas aplicações nos programas de melhoramento das pastagens.

2015-2019

Com Karem Guimaraes Xavier Meireles e Sanzio Carvalho Lima Barrios.

Aumentar a produtividade e a sustentabilidade das pastagens e contribuir para o cumprimento das metas do programa Agricultura de Baixo Carbono (ABC) são alguns dos desdobramentos esperados deste projeto, que pretende identificar as interações mais responsivas ao processo de fixação biológica de nitrogênio (FBN) entre bactérias diazotróficas e genótipos de Paspalum e Brachiaria, duas das principais espécies que compõem as pastagens brasileiras. Para se ter uma ideia, estima-se que a bovinocultura do País, atualmente com 210 milhões de cabeças de gado, ocupe uma área aproximada de 115 milhões de hectares constituídos por gramíneas introduzidas, como o capim braquiária e o capim colonião, e outros 145 milhões de hectares com pastagens nativas, como o Paspalum.As gramíneas forrageiras apresentam uma associação rizosférica ou endofítica com bactérias diazotróficas promotoras de crescimento vegetal. Análises realizadas anteriormente indicaram que alguns genótipos possuem a capacidade de fixar nitrogênio atmosférico em associação natural com essas bactérias quando crescidas em solo enriquecido com 15N. A pesquisa atual considerará bancos de germoplasma dessas duas espécies, existentes na Embrapa, e será conduzida a partir de métodos microbiológicos e moleculares, seguidos de caracterização taxonômica e funcional das estirpes e testes de seleção, o que possibilitará identificar associações eficientes que indiquem a efetiva contribuição derivada da FBN para o sistema solo-planta.Espera-se, ao final do projeto, identificar genótipos dessas espécies forrageiras que possam ser usados em programas de melhoramento vegetal, em associação com as estirpes selecionadas. Além disso, o estudo permitirá o avanço de conhecimento sobre o diálogo molecular entre a bactéria e a planta, assim como de marcadores moleculares envolvidos com o processo de FBN.

EQUIPAFORR

Desenvolvimento de cultivares forrageiras tropicais - ampliação e modernização da infraestrutura, equipamentos de laboratórios e campos experimentais na Embrapa.

2015-2018

As forrageiras tropicais são de grande importância para o agronegócio brasileiro, porém os programas de melhoramento são poucos e recentes, com aproximadamente 30 anos, contando ainda com poucos especialistas, não apenas no Brasil como em todo o mundo tropical. Além disso, enquanto os programas de melhoramento de forrageiras temperadas fazem uso de melhoramento assistido por marcadores, o mundo tropical depende ainda de seleção de cultivares a partir da variabilidade existente na natureza, e usando biotécnicas e metodologias de triagem necessitando de modernização e automação. Esses programas estão hoje maduros, utilizando seleção recorrente com foco no médio e longo prazos, com novos candidatos a cultivares em fases finais de avaliação e inúmeros híbridos e populações melhoradas geradas com infinitas possibilidades de atender aos principais problemas do setor. A parceria com a Unipasto (Associação para o fomento da pesquisa em melhoramento de forrageiras tropicais), constituída por firmas brasileiras de sementes e com exclusividade na comercialização das cultivares protegidas, não apenas consolida a liderança nacional no setor, como facilita enormemente a transferência e adoção das cultivares geradas dada a capilaridade com que atuam no Brasil e exterior. O objetivo do projeto é equipar laboratórios multiusuários e infra-estrutura de apoio aos programas de desenvolvimento de cultivares de gramíneas e leguminosas forrageiras tropicais a fim de dinamizar o melhoramento genético, otimizar os procedimentos de seleção fenotípica e genômica, e especialmente racionalizar o uso de mão-de-obra na avaliação de desempenho dos genótipos candidatos a novas cultivares em sete unidades da Embrapa.

REPFOR

Análises de sequências gênicas e processos associados com o desenvolvimento reprodutivo de Brachiaria para aplicações biotecnológicas em diferentes espécies

2015-2018

Com Lucimara Chiari.

O Brasil lidera a pesquisa de reprodução de plantas forrageiras, mas enfrenta como pior desafio a baixa diversidade das pastagens, formadas principalmente por plantas apomíticas. A apomixia - reprodução assexual por sementes – é uma área da biotecnologia com grande potencial para otimizar o melhoramento genético dessas espécies, pois desenvolve materiais genéticos e procedimentos para clonagem vegetal pela utilização direta de sementes.  Esse projeto propõe a determinação de estratégias de regulação dos genes associados ao modo de reprodução, considerados de grande potencial biotecnológico, a partir de estratégias de bioinformática e biologia molecular, entre outras.

BRACMELHOR

Melhoramento genético de Brachiaria spp. visando o desenvolvimento de híbridos apomíticos para a diversificação de pastagens

2013-2016

Com Fabricia Zimermann Vilela Torres e Sanzio Carvalho Lima Barrios.

O projeto faz parte do programa de melhoramento de Brachiaria spp. da Embrapa Gado de Corte e envolve a obtenção de progênies, avaliação dessas para diversos caracteres de importância econômica e a identificação de híbridos superiores. Os híbridos sexuais de B. decumbens e interespecíficos (B. brizantha, B. decumbens e B. ruziziensis), utilizados como genitor feminino nos cruzamentos, já foram obtidos em trabalhos anteriores. Dessa forma, a proposta visa realizar o cruzamento desses híbridos sexuais, já melhorados, com genótipos apomíticos elite, visando ao desenvolvimento de híbridos apomíticos superiores, candidatos a novas cultivares de Brachiaria. A estratégia de melhoramento é atuar de forma complementar aos programas de avaliação de híbridos da Embrapa Gado de Corte, contribuindo com a geração de novos híbridos e identificação de potenciais cultivares. A adoção de tal procedimento viabilizará o desenvolvimento de novas cultivares nos próximos anos, com as quais pretende-se aumentar a produtividade por animal e por área, bem como contribuir para a diversificação de pastagens em áreas de cerrados do Brasil. Essa proposta permitirá consolidar estratégias e metodologias de melhoramento e capacitar estudantes e técnicos para esse tipo de trabalho.

REDE VEGETAL

REDE NACIONAL DE RECURSOS GENÉTICOS VEGETAIS

2009-2015

Com Celso Dornelas Fernandes, Liana Jank, Lucimara Chiari e Rosangela Maria Simeao Resende.

Os recursos genéticos vegetais são acervos estratégicos para o desenvolvimento agrícola e para o agronegócio brasileiro. Por isso, a Embrapa investe desde a sua criação, em 1973, na manutenção das atividades relacionadas à conservação de recursos genéticos e à ampliação da base genética disponível para os programas de melhoramento dos produtos que já estão na mesa do brasileiro e aqueles que contribuem para a segurança alimentar e para a geração de divisas para o país.É também de fundamental importância conservar os recursos genéticos vegetais autóctones (originários do Brasil), em especial aqueles com potencial para serem incorporados à dieta alimentar da população e atender ao mercado nacional e internacional. O presente projeto é desenvolvido em rede, envolvendo 35 unidades descentralizadas da Embrapa e parcerias com Instituições de Pesquisa Federais e Estaduais, Universidades e representantes de Organizações não governamentais e da Iniciativa PrivadaO objetivo é modernizar a gestão dos trabalhos com recursos genéticos vegetais da Embrapa, para que a Empresa possa atender melhor às demandas nacionais atuais e futuras, com foco no enriquecimento, conservação, caracterização, documentação e disponibilização de em prol da segurança alimentar brasileira.O projeto prioriza, de forma integrada, os recursos genéticos de todas as regiões, e a modernização dos métodos de caracterização, compartilhamento e difusão da informação. Uma parte significativa das ações está voltada a produtos de grande impacto no agronegócio e agricultura familiar.É também de fundamental importância conservar os recursos genéticos vegetais autóctones (originários do Brasil), em especial aqueles com potencial para serem incorporados à dieta alimentar da população e atender ao mercado nacional e internacional. O presente projeto é desenvolvido em rede, envolvendo 35 unidades descentralizadas da Embrapa e parcerias com Instituições de Pesquisa Federais e Estaduais, Universidades e representantes de Organizações não governamentais e da Iniciativa Privada   O objetivo é modernizar a gestão dos trabalhos com recursos genéticos vegetais da Embrapa, para que a Empresa possa atender melhor às demandas nacionais atuais e futuras, com foco no enriquecimento, conservação, caracterização, documentação e disponibilização de em prol da segurança alimentar brasileira.   O projeto prioriza, de forma integrada, os recursos genéticos de todas as regiões, e a modernização dos métodos de caracterização, compartilhamento e difusão da informação. Uma parte significativa das ações está voltada a produtos de grande impacto no agronegócio e agricultura familiar.

PREUROCLOA

Pré-melhoramento de Urochloa mosambicensis visando alternativa alimentar para pequenos ruminantes no semiárido

2013-2015

Este projeto visa desenvolver, por meio do pré-melhoramento genético e seleção, genótipos de Urochloa mosambicensis, que atendam à necessidade de gerar opção de planta forrageira para produção de forragem durante a época seca no semiárido. O projeto é composto por atividades de pré-melhoramento, que visam aumentar a eficiência dos programas de melhoramento ampliando a diversidade genética das coleções de trabalho e bancos ativos de germoplasma através de coletas e introduções. As atividades de caracterização estão previstas e incluem avaliação bromatológica, agronômica, modo reprodutivo, citogenética, taxonomia e morfologia. Além disso, os acessos serão avaliados quanto aos estresses bióticos e abióticos visando selecionar os melhores materiais. Com este projeto, espera-se contribuir com a pesquisa de plantas forrageiras para diversificar as pastagens em áreas semiáridas do Brasil, uma vez que a escassez de alimentos para os rebanhos, durante períodos de estiagem, é um dos maiores entraves ao desenvolvimento da pecuária na região semiárida brasileira.

BRACDECSRR

Obtenção de híbridos apomíticos superiores em Brachiaria decumbens por meio de seleção recorrente recíproca

2013-2015

Com Jose Raul Valerio e Sanzio Carvalho Lima Barrios.

VCU-ILP

Avaliação de genótipos de Brachiaria brizantha para determinação de valor de cultivo e uso (VCU) em sistemas de integração lavoura-pecuária

2013-2015

Com Alexandre Romeiro de Araujo e Denise Baptaglin Montagner.

APOGEN

Genômica funcional e controle genético da reprodução vegetal por apomixia e sexualidade com perspectivas biotecnológicas

2010-2014

Com Liana Jank e Lucimara Chiari.

CRRUZIAL

Detecção e caracterização de tolerância à toxidez por alumínio e por cromo em genótipos de Brachiaria ruziziensis com base em respostas fisiológicas, metabólicas e moleculares

2010-2012

Formação Acadêmica

Doutorado em Melhoramento de Plantas

University of Illinois - System

1982-1986

Especialização em Range Management And Pasture Production

UNITED STATES DEPARTMENT OF AGRICULTURE

1975-1975

Mestrado em AGRONOMIA - Fisiologia de Pastagens

Iowa State University

1975-1977

Graduação em AGRONOMIA

Universidade de São Paulo

1969-1973

Idiomas

Inglês

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve bem.

Francês

Compreende razoavelmente, fala pouco, lê bem e escreve pouco.

Espanhol

Compreende bem, fala bem, lê bem e escreve razoavelmente.

Última atualização em 22-06-2015 10:48:00.

Powered by Pandora from PLEASE Lab.